AGENDA PARA PLANEJAMENTO

Mostrando postagens com marcador EBD CRIATIVA. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador EBD CRIATIVA. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 4 de maio de 2022

Lição 6 EXPRESSANDO PALAVRAS HONESTAS

 

Assista no youtube

EBD - Lição 6 EXPRESSANDO PALAVRAS HONESTAS I – NÃO DEVEMOS JURAR NEM PELOS CÉUS NEM PELA TERRA 1- A Lei do Juramento. 2- O propósito da Lei do Juramento. 3- Não jureis nem pelo Céu nem pela Terra. SINOPSE I O seguidor de Jesus não jura pelo céu nem pela terra. Suas palavras têm o peso da Verdade II – NOSSAS PALAVRAS DEVEM SER “SIM” E “NÃO” 1- Como deve ser o nosso falar. 2- O sim e o não na vida de Paulo. 3- O que passar disso é uma procedência maligna.

quinta-feira, 28 de abril de 2022

Estudo bíblico com dinâmicas

 

Assista no Youtube

EBD - Lição 5 - O CASAMENTO É PARA SEMPRE

No Sermão do Monte, em que Jesus evidencia a justiça e o caráter do discípulo acima da postura dos escribas e fariseus, a preservação do casamento foi muito bem destacada. Ao evocar o sétimo mandamento, “não adulterarás” (Êx 20.14), a intenção do Mestre é colocar o casamento no seu devido lugar, como foi designado pelo próprio Deus (Gn 2.24). I- A CONDENAÇÃO DO ADULTÉRIO 1- Definição de adultério. 2- A posição de Jesus quanto ao adultério. 3- Os males do adultério.

sábado, 23 de abril de 2022

Estudo Bíblico resguardando-se de sentimentos ruins

 

4 LIÇÃO 2 TRI 22 RESGUARDANDO-SE DE SENTIMENTOS RUINS

I- O EVANGELHO NÃO É ANTINOMISTA 1- O que é Antinomismo? 2- A Lei e o Evangelho. 3- Legalismo x Antinomismo. SINOPSE I O Evangelho Não é antinomista, isto é, ele tem normas, regras e limites claros. O Evangelho também não é legalista, isto é, não está preso a observâncias rigorosas de datas, dietas e ou­tras práticas religiosas, esperando algum favor divino.

segunda-feira, 11 de abril de 2022

EBD - LIÇÃO 3. Jesus, o Discípulo e a Lei

 


3 LIÇÃO - JESUS, O DISCÍPULO E A LEI Estudaremos a respeito da relação de Jesus com a Lei e o que Ele deseja de seus discípulos. I- JESUS CUMPRIU TODA A LEI 1- Um compromisso com o passado. 2- Jesus não veio destruir a Lei. 3- Jesus cumpriu e aperfeiçoou a lei.

terça-feira, 5 de abril de 2022

Estudos bíblicos sal da terra e luz do mundo



EBD Lição 2 - SAL DA TERRA, LUZ DO MUNDO Vamos estudar sobre a importância de nossa influência como cristãos no mundo. Assim, analisaremos esse assunto a partir das metáforas do sal e da luz presentes no Sermão do Monte. Deus conta conosco para influenciar o mundo atual e, por isso, não podemos deixar de “salgá-lo”, bem como de “iluminá-lo”. O Evangelho nos chama para isso. I - O SAL TEMPERA E CONSERVA 1– Definição. 2- A importância do sal. 3- O cristão com o sal.

quinta-feira, 31 de março de 2022

O SERMÃO DO MONTE: O CARÁTER DO REINO DE DEUS



1 LIÇÃO 2 TRI 22 O SERMÃO DO MONTE: O CARÁTER DO REINO DE DEUS

O tema deste trimestre é o Sermão do Monte, ou Sermão da Montanha. Considerado a alma do Evangelho, o ensino que Jesus transmitiu no monte se destaca pela sua dimensão prática e revela a essência de um verdadeiro seguidor de Cristo. Ao longo do trimestre, veremos que o Sermão do Monte traz um ensinamento que, em um primeiro instante, volta-se plenamente para Deus; e, noutro, revela o lado ético do divino reino: amar o próximo. Esses dois momentos perfazem os pilares da vida cristã (Mt 22.37,39).

quarta-feira, 23 de março de 2022

A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã


Introdução Mostrar a importância da Bíblia como uma ferramenta de ensino-aprendizagem para a vida. Como praticar a Palavra de Deus sem antes compreendê-la? Por isso, mais do que ler, é vital estudar as Sagradas Escrituras, que é apta para ensinar, para redarguir, para corrigir e para nos instruir em toda a justiça, esse é o objetivo dessa aula.

quarta-feira, 16 de março de 2022

AS EPÍSTOLAS INSTRUEM E FORMAM OS CRISTÃOS

 

                                                             ASSISTA NO YOUTUBE

A lição 12 da revista de adultos da CPAD, As Epístolas instruem e formam os cristãos nos ensinam desde os cristãos primitivos os cuidados que devemos ter com o ensino doutrinário desvirtuado dos ensinos de Deus para as nossas vidas.

Como o cristão precisa viver, os cuidados que precisa ter. Para o professor que vai apresentar essa lição veja algumas dinâmicas e recursos para você dinamizar a sua classe. INTRODUÇÃO A lição desta semana tem como proposta apresentar o conjunto de doutrinas entregue à Igreja do Senhor por intermédio dos autores das epístolas do Novo Testamento. O conteúdo dessas epístolas tem como função instruir e formar os crentes no que diz respeito à fé cristã, bem como prepará-los para o encontro com o Senhor por ocasião do arrebatamento da Igreja. AS EPÍSTOLAS INSTRUEM E FORMAM O CRISTÃO Palavra-Chave: EPÍSTOLA I – COMO AS EPÍSTOLAS PAULINAS NOS INSTRUEM 1- Instruções salvíficas. 2- Instruções a respeito de Cristo. 3- Instruções sobre as últimas coisas. 4- Instruções pastorais e pessoais. SINÓPSE I As epístolas paulinas nos instruem a respeito de Cristo, sobre as últimas coisas e trazem instruções pastorais e pessoais. II – COMO AS EPÍSTOLAS GERAIS NOS FORMAM 1- As Epístolas de Pedro. 2- As Epístolas de João. 3- As outras Gerais. SINÓPSE II As epístolas gerais advertem o crente a respeito da santificação, dos falsos ensinos; e enfatizam a supremacia de Cristo e a esperança da vida eterna. III – AS EPÍSTOLAS CONTINUAM A FALAR 1- A doutrina da justificação. 2- A doutrina da santificação. 3- A doutrina da glorificação. SINOPSE III A mensagem das epístolas permanece atual: ressalta a justificação, santificação e glorificação do crente. As Epístolas são livros divinamente inspirados e representam quase 80% do cânon do Novo Testamento. O conjunto de doutrina destas epístolas, revelado aos seus diversos autores, continua a instruir o povo de Deus, a formar o caráter do crente salvo em Jesus, e a preparar a Igreja para a vinda do Senhor.

SLIDES

terça-feira, 8 de março de 2022

Lucas - Atos: Modelo Pentecostal para Hoje

 

                       Assistir

EBD - LIÇÃO 11 - LUCAS – ATOS: O MODELO PENTECOSTAL PARA HOJE 

1- INTRODUÇÃO 

Nesta lição, temos como propósito destacar que a ação do Espírito Santo na vida de Jesus em Lucas e da igreja em Atos com a finalidade de capacitá-la para a proclamação do Evangelho em continuidade ao ministério de Jesus. Veremos que esse modo de viver serve de modelo para a igreja dos dias atuais. Assim como no início da igreja, os crentes atuais precisam buscar ser cheio do Espírito Santo com o revestimento de poder do Alto para realizar a obra de Deus e alcançar uma vida cristã vitoriosa.

quinta-feira, 3 de março de 2022

As Profecias Despertam e Trazem Esperança

 

                                                Clique na Imagem caso queira assistir a aula.


EBD Lição 10 - As profecias despertam e trazem esperança - Adultos

1-INTRODUÇÃO Nesta lição estudaremos a profecia bíblica, no Antigo e no Novo Testamentos. Os profetas foram pessoas escolhidas por Deus para anunciar a sua revelação. A mensagem profética tinha o propósito de gerar despertamento, arrependimento e/ou fortalecimento da fé e da esperança. Dada sua importância, estudaremos a ação ministerial dos profetas maiores e menores, que se dirigiram aos hebreus e a outras nações. Também veremos o conteúdo de Apocalipse, visto que se trata de uma mensagem profética direcionada à Igreja de Cristo. I – OS PROFETAS MAIORES 1- Os profetas e a profecia. 2- Os profetas Isaías e Jeremias. 3- Os profetas Ezequiel e Daniel. SINÓPSE I Os profetas maiores tiveram uma atuação proeminente tanto no reino de Judá como na Babilônia. II – OS PROFETAS MENORES 1- Os profetas do Reino do Norte. 2- Os profetas Pré-exílio. 3- Os profetas Pós-exílio. 4- Os demais profetas. SINÓPSE II Os doze profetas menores foram usados por Deus antes e depois do exílio do povo escolhido. III – O LIVRO DO APOCALIPSE 1- Autoria, propósito e destinatários. 2- Uma mensagem de esperança. SINÓPSE III O livro do Apocalipse, escrito às sete Igrejas da Ásia Menor, traz uma mensagem de esperança e fortalecimento da fé. CONCLUSÃO A mensagem dos profetas é de suma importância para despertar o cristão. Nos livros proféticos, a soberania, a justiça e a misericórdia divina estão claramente reveladas. Os fatos narrados comprovam o poder, a autoridade e o controle divino sobre todas as coisas. Eles nos servem de experiência de fé, que produz esperança (Rm 5.4).

Baixar

SLIDES

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2022

As histórias e as poesias falam ao coração - ebd lição 9

Slides (clique na imagem)

Lição 9 da EBD - As Histórias e as Poesias Falam ao Coração. Mais uma lição para ajudar você no ensino da Palavra de Deus. 

TEXTO ÁUREO
“Estou aflitíssimo; vivifica-me, ó Senhor, segundo a tua palavra.” (SI 119.107)

VERDADE PRÁTICA

Os livros históricos e poéticos mostram a soberania e a sabedoria divinas. O relato dessas verdades produz fé e esperança em nossos corações.

ATIVIDADE

Dividir a classe em três. Cada grupo com um tópico que será apresentado. O professor, após ter feito a introdução citando os objetivos da lição fará a dinâmica: Dinâmica Um verdadeiro adorador! E só depois da dinâmica dividirá a classe em três para que comece o estudo. A cada apresentação o professor se aprofundará em cada tópico.

Ao final de todas as apresentações o professor fará outra dinâmica que será a caixa supressa. Essa dinâmica consistirá em chamar um aluno a frente, que ficará de costas para a classe, enquanto isso, a classe, de posse de uma caixa com perguntas dentro, irá passando a caixa enquanto cantam um louvor. 

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2022

EBD Lição 8 A Lei e os Evangelhos Revelam Jesus

 

AULA NO YOUTUBE

1ª ATIVIDADE PARA A LIÇÃO BÍBLICA: A Lei e os Evangelhos Revelam Jesus

Entregar a cada aluno, aletoriamente, uma letra que formará a palavra: EVANGELHOS. O professor terá a palavra LEI. Assim que o professor tiver feito a introdução da lição pedir que os alunos se levantem e coloquem essas letras em ordem até que consiga formar a palavra em questão. Dizer que a Lei e os EVANGELHOS revelam Jesus Cristo, Essa é a nossa palavra chave: REVELAR.


2ª ATIVIDADE/DINÂMICA

Entregar a cada aluno um vale. Esse “vale”, representa a LEI, uma promessa, algo que ainda não era possível, mas apontava para uma realidade provável. E você vai dizer para eles que ao FINAL DA AULA, ou do tópico eles receberão um bombom ou uma bala. Significando que no tempo próprio, oportuno, Jesus viria cumprindo a LEI, a promessa de Deus. E esse é melhor que todas as coisas existentes.

Só Jesus transforma o caráter, a família e a sociedade. Ele é o melhor de tudo nesse mundo.


3ª ATIVIDADE/DINÂMICA


Entregar um copo com um pouco de suco ou café em pó. A depender da escolha você terá, ou água gelada ou água quente. 

Pergunte: Vocês podem desfrutar da forma como se encontra em seu copo? Eles vão dizer que não. Assim é a vida sem Jesus em nós. Há um potencial de vida em, mas que só poderá ser vivida, potencializada com a presença do todo poderoso, do nosso Senhor e Salvador Jesus que é aquele que transforma todas as coisas.

Transforma o nosso caráter, a nossa família e a nossa sociedade.

Vocês poderão desfrutar dessa bebida fazendo todas as misturas com água gelada ou quente, ou apenas, terá servido de ilustração. Você decide! Eu tomaria.

Obs.: Não esqueça do vale ao final da aula, ok?

Clique nos links (Palavras Chave) para baixar os materiais. É baixar e imprimir, caso decida utilizar.


                                             SLIDES

Deus abençoe você e o seu ministério, meu abraço e gratidão. 

Sandra Cavalheiro

quarta-feira, 12 de julho de 2017

AS DUAS CAIXAS

Essa é uma pequena história que foi transformada em dinâmica. Como vai funcionar.
Você vai precisar das duas caixas, segundo a história relata, então é só contar ao seu grupo e fazer a aplicação utilizando base bíblica.
Abaixo segue a história para você:

Deus deu-me duas caixas e disse:– Coloque todas as suas tristezas na caixa cinza e todas as suas alegrias na caixa azul.

Tempos depois eu percebi que a caixa azul estava muito mais pesada que a caixa cinza e fiquei um pouco confuso, pois, se tive muitas alegrias na vida, também não me faltaram tristezas. Como, então, a caixa de alegrias podia pesar tão mais que a caixa de tristezas?

Curioso, abri a caixa cinza e ela estava vazia, pois tinha um buraco no fundo. Então, eu perguntei:
– Senhor, deste-me uma caixa furada e minhas tristezas desapareceram. Onde elas foram parar?

– Elas vieram se apresentar diante do meu altar e as devolvi para você.

– Para mim? Mas elas não estão comigo.

– É que eu as devolvi transformadas.

– Transformadas? Como assim, meu Senhor?

– Transformadas em alegria. Olhe a sua caixa azul e você vai entender.

Abri a caixa azul e lá estavam todas as minhas alegrias (como foi bom contá-las todas de uma vez). Mas, lá estavam também as minhas tristezas, com uma carinha diferente, transformadas em alegrias.


Porque a sua ira dura só um momento; no seu favor está a vida; o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã. Salmo 30:5


Nunca mais terão fome, nunca mais terão sede; nem sol nem calma alguma cairá sobre eles.
Porque o Cordeiro que está no meio do trono os apascentará, e lhes servirá de guia para as fontes vivas das águas; e Deus limpará de seus olhos toda a lágrima. Apocalipse 7:16,17

O nosso Deus converteu a maldição em benção – Neemias 13.2b

VOCÊ PODE GOSTAR DE LER:

VASOS QUEBRADOS




Era uma vez um depósito de vasos quebrados.Ninguém se importava com eles; nem eles mesmos não se importavam. Ao contrário, quanto mais quebrados ficavam, mais eram respeitados pelos outros, por isso não estavam nem aí com a sua triste situação.
Um dia, por engano, um vaso inteiro foi parar no meio dos vasos quebrados, mas, por ser diferente dos demais, de imediato ele foi rejeitado e hostilizado. Justo ele, que tinha uma necessidade miserável de ser aceito.

Tentou se aproximar dos vasos menos danificados, aqueles que tinham apenas a boca rachada, mas, não deu certo. Depois, procurou se aproximar dos vasos que tinham apenas um pequeno furo na barriga, mas, também foi repelido. Tentou uma terceira vez, com os vasos que estavam trincados na base, mas, não adiantou.

Resolveu, então, arranjar umas brigas, esperando conseguir um ferimento, um risco, uma trinca ou, quem sabe, com um pouco de sorte, até um quebrado bacana.

Mas, naquele lugar uma coisa incrível acontecia: ninguém tinha força bastante para quebrar os outros. Se algum vaso quisesse arranjar em quebrado, tinha que se quebrar sozinho.

Então ele fez umas loucuras, umas estripulias, e conseguiu se rachar sozinho.

Ficou feliz, realizado, por que logo foi aceito no clube dos vasos quebrados, mas sua alegria durou pouco tempo, pois, logo ele começou a se incomodar com uma outra necessidade: a de ser o líder dos vasos quebrados e ser respeitado por todos.

Para isso, teve que ir-se quebrando mais e mais. E se quebrou em tantos pedaços que voltou ao pó. E deixou de ser vaso!

Não vos enganeis. As más companhias corrompem os bons costumes – I Coríntios 15.33.

segunda-feira, 10 de julho de 2017

OS DEZ MANDAMENTOS PARA UMA DINÂMICA CRIATIVA

É necessário seguir algumas diretrizes, que vamos chamar de os dez mandamentos para dirigir uma dinâmica criativa:

1. Ore pedindo orientação na preparação, e na aplicação da atividade na vida do grupo.

2. Prepare-se bem. Verifique se o local é adequado e o material necessário esteja disponível. Estude os procedimentos com antecedência, as regras e/ou princípios das idéias que pretende usar.

3. Divulgue as atividades do seu grupo com antecedência.

4. Adapte as idéias à sua realidade, idade, tamanho e as características do seu grupo.

5. Seja um líder entusiasmado ao conduzir a atividade.

6. Tenha coragem de experimentar idéias novas e inovar o programa da sua reunião ou escola dominical.

7. Seja sensível às reações do grupo. Não quebre as tradições com muita rapidez! Uma coisa é ter “casca dura” diante das críticas injustas de uma ou outra pessoa; outra, é não prestar atenção ao retorno que a maioria do grupo está dando.

8. Seja justo nas regras.

9. Seja flexível. Não deixe que o programa se torne cansativo.

10. Não faça do programa algo mais importante do que as pessoas.

Leia Também: FAZ DIFERENÇA

CAMINHANDO ENTRE OBSTÁCULOS



Material necessário: garrafas, latas, cadeiras ou qualquer outro objeto que sirva de obstáculo, e lenços que sirvam como vendas para os olhos.

Desenvolvimento: Os obstáculos devem ser distribuídos pela sala. 

As pessoas devem caminhar lentamente entre os obstáculos sem a venda, com a finalidade de gravar o local em que eles se encontram.

 As pessoas deverão colocar as vendas nos olhos de forma que não consigam ver e permanecer paradas até que lhes seja dado um sinal para iniciar a caminhada. 

O professor com auxílio de uma ou duas pessoas, imediatamente e sem barulho, tirarão todos os obstáculos da sala. 

O professor insistirá em que o grupo tenha bastante cuidado, em seguida pedirá para que caminhem mais rápido. Após um tempo o professor pedirá para que todos tirem as vendas, observando que não existem mais obstáculos.

Compartilhar: Discutir sobre as dificuldades e obstáculos que encontramos no mundo, ressaltando porém que não devemos temer, pois quem está com Cristo tem auxílio para vencer. I Co. 10:12-13.


Dinâmica: Esclarecimento de Valores


Objetivos:

a) Demonstrar que o conceito de valores varia de acordo com as pessoas.
b) Conscientizar os membros participantes sobre o problema de valores diferentes.

Tamanho do Grupo: Oito a dez pessoas, podendo fazer-se o exercício, com vários subgrupos, simultaneamente.

Tempo Requerido: Vinte e cinco minutos, aproximadamente.

Material Exigido: Papel em branco, lápis ou caneta.

Redação de três frases.

Ambiente Físico: Uma sala suficientemente ampla, com cadeiras, para acomodar todos os membros participantes.

Processo:

I. O animador explica inicialmente o exercício, e a seguir distribui uma folha com frases para cada membro, para que possa escolher uma dentre as três que achar a mais importante. As três frases podem ser, por exemplo:

. Ser generoso com as demais pessoas.

. Ser seu próprio chefe.

. Ter amigos compreensivos.

II. Feita a escolha, formam-se subgrupos, juntando-se os membros de acordo com a escolha feita. Aqueles que escolheram, por exemplo, a primeira frase, como sendo a mais importante, irão discutir as razões desta importância. Assim, formam-se subgrupos semelhantes, para cada combinação de frase.

III. Após uns dez minutos de discussão, forma-se o plenário, para expor a todos os participantes as razões da escolha de tal ou qual frase.
No final, haverá um momento para depoimentos sobe a experiência vivida no exercício.

· Outros Tipos de Frases

. Sair de mim mesmo para ajudar os demais.

. Poder indicar aos outros o que fazer.

. Livrar-se das normas e das leis.

. Fazer o que for moralmente correto.

. Preparar os demais para ajudar-me.

Que a cada dia ,possamos crescer mais como pessoas e fazer felizes os que nos cercam!!






Rosângela

Dinâmica: Eficiência de um trabalho em equipe (A corrida de carros)


Objetivos:

a)Demonstrar rapidez num trabalho de equipe.
b)Desenvolver agilidade mental e capacidade de raciocínio.
c)Desenvolver a imaginação e a criatividade.

Tamanho do grupo: Diversos subgrupos de cinco a sete membros cada um.
Tempo Exigido: Aproximadamente vinte minutos.

Material Utilizado: Uma cópia da Corrida de Carros, conforme se encontra no final do exercício; - Lápis ou caneta.

Ambiente Físico: Uma sala com carteiras para acomodar todos os membros participantes.

Processo:

I. A tarefa de cada subgrupo consiste em resolver, na maior brevidade possível, o problema da Corrida de Carros, conforme explicação dada na folha, que será entregue a cada pessoa do grupo;

II. A seguir, lê-se em voz alta, o conteúdo da folha, e formam-se os diversos subgrupos para início do exercício;

III. Todos os subgrupos procurarão resolver o problema da Corrida de Carros, com a ajuda de toda a equipe;

IV. Obedecendo às informações constantes da cópia da Corrida de Carros, a solução final deverá apresentar a ordem em que os carros estão dispostos com a respectiva cor, conforme chave anexa;

V. Será vencedor da tarefa o subgrupo que apresentar por primeiro a solução do problema;

VI. Terminado o exercício, cada subgrupo fará uma avaliação acerca da participação dos membros da equipe, na tarefa grupal;

VII. O animador poderá formar o plenário com a participação de todos os membros dos subgrupos, para comentários e depoimentos.

A CORRIDA DE CARROS

Oito carros, de marcas e cores diferentes, estão alinhados, lado a lado, para uma corrida. Estabeleça a ordem em que os carros estão dispostos, baseando-se nas seguintes informações:
O Ferrari está entre os carros vermelhos e cinza
O carro cinza está a esquerda do Lotus.
O McLaren é o segundo carro á esquerda do Ferrari e o primeiro á direita do carro azul.
O Tyrrell não tem carro á sua direita e está logo depois do carro preto.
O carro preto esta entre o Tyrrell e o carro amarelo.
O Shadow não tem carro algum á esquerda: está á esquerda do carro verde.
A direita do carro verde está o March.
O Lotus é o segundo carro á direita do carro creme e o segundo á esquerda do carro marrom.
O Lola é o segundo carro á esquerda do Isso.

Corrida de Carros

A Solução.
O Shadow, cor azul.
O McLaren, cor verde.
O March, cor vermelha.
O Ferrari, cor creme.
O Lola, cor cinza.
O Lotus, cor amarela.
O Iso, cor preta.
O Tyrrel, cor marrom.


Dinâmica: Intuição e sensibilidade na gestão de pessoas.



Desenvolvimento: O animador lança uma pergunta e solicita que apenas pensem na resposta.

"- Cada um de vocês ganhou uma herança que está no outro lado do oceano. Vocês realmente não podem ir buscá-la, mas podem denominar alguém para essa tarefa. Quem vocês enviarão? Por quê?"

Os participantes registram em seguida duas qualidades dessa pessoa.

O animador solicita que expressem oralmente essas qualidades e as registra no quadro de giz. Conclui dizendo que as anotações pessoais são os valores que cada participante considera como mais importantes nessa vida e que os valores registrados no quadro são os valores daquele grupo.

Exemplo da anotação de um determinado grupo:

Cumplicidade Amor ++++

Sensibilidade Honestidade +++

Confiança + Responsabilidade +

Respeito + Integridade

Segurança + Criatividade

Reflexões:

*Quando fazemos com o grupo, o grupo se compromete com as ações.

*As próprias pessoas têm as respostas que buscam.


Novas sugestões de Dinâmicas:

Fonte: Livro "Exercícios Práticos de Dinâmica de Grupo"
(Silvino José Fritzen)

Dinâmica: Comunicação Efetiva!


Desenvolvimento:

Todos os participantes balançam uma folha de papel e ouvem o barulho.

(O animador faz as devidas relações. Exemplos: Esse é o "barulhinho que acontece dentro de nós quando ficamos ansiosos, quando não conseguimos dialogar com o outro...)

O animador então sugere: "- Vamos amassar essa confusão interior, vamos jogar fora tudo que não é bom. Os participantes amassam a folha de papel. O animador fala da importância da comunicação e do amor; sugere então que desamassem a folha com cuidado, que tentem deixá-la bem lisinha.

(Faz novas relações. Exemplo: Vejam como a folha está marcada, nunca esquecemos dos gestos amáveis e das palavras amigas). O animador sugere que novamente balancem as folhas. O barulho sumiu! Precisamos nos amassar e nos amar nos relacionamentos!

Reflexão:

* Comunicação Efetiva Sem ela as decisões tornam-se complicadas. Portanto, precisamos ser VERDADEIROS !


Uma variável dessa dinâmica é falar sobre confiança. Uma vez perdida é muito difícil conquistá-la novamente, pois é como uma folha de papel amassada.


VOCÊ VAI GOSTAR DE LER TAMBÉM

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *